domingo, 21 de junho de 2015

"ALMIRANTE NEGRO" JOÃO CÂNDIDO (O MESTRE SALA DOS MARES)


João Cândido Felisberto na primeira página do Jornal Gazeta de Notícias, em 31 de dezembro de 1912.
  
"ALMIRANTE NEGRO" - O MESTRE SALA DOS MARES- música de João Bosco e Aldir Blanc

* a letra original sem modificações causadas pela censura da ditadura militar brasileira.
 

"ALMIRANTE NEGRO" (Título original) 1973
----------------------------------------

­---------------
(Letra original)

Há muito tempo nas águas da Guanabara
O dragão do mar reapareceu
Na figura de um bravo marinheiro
A quem a história não esqueceu

Conhecido como Almirante Negro
Tinha a dignidade de um mestre-sala
E ao acenar pelo mar, na alegria das fragatas
Foi saudado no porto pelas mocinhas francesas
Jovens polacas e por batalhões de mulatas

Rubras cascatas jorravam das costas
dos negros pelas pontas das chibatas
Inundando o coração do pessoal do porão
Que a exemplo do marinheiro gritava - não!

Glória aos piratas, às mulatas, às sereias
Glória à farofa, à cachaça, às baleias

Glória a todas as lutas inglórias
Que através da nossa história
Não esquecemos jamais

Salve o Almirante Negro
Que tem por monumento
As pedras pisadas do cais
Mas faz muito tempo...

*via link do vídeo abaixo. (enviado por Otávio Martins Amaral)

"Almirante Negro" - (O Mestre-Sala Dos Mares) - letra sem censura, em 20/agosto/2010 (Rio-RJ) 

*vídeo de Sergio Chagas.

https://www.youtube.com/watch?v=I7PW8L_ezlQ#t=53


https://pt.wikipedia.org/?title=Jo%C3%A3o_C%C3%A2ndido





João Bosco - O Mestre-sala dos Mares  

https://www.youtube.com/watch?v=B-jb3Hlaj9s

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

POSTAGENS POPULARES(ÚLTIMO MÊS)

POSTAGENS POPULARES (TUDO)